Qual seguradora escolher para contratar um seguro de automóvel? Não é fácil tomar uma decisão se não estivermos devidamente informados sobre as opções existentes no mercado. Conheça a seguir uma das empresas que atua no Brasil há mais de 70 anos, confira seu desempenho no mercado no ano passado e tire suas próprias conclusões:

Contexto Operacional
A Zurich Minas Brasil Seguros S.A. é uma sociedade anônima de capital fechado, com sede na cidade de Belo Horizonte, que tem como objetivo social a exploração das operações de seguros dos ramos elementares, em qualquer de suas modalidades ou formas em todo o território nacional, além da participação em outras sociedades.

Desempenho Operacional
A Zurich Minas Brasil Seguros S.A. apresentou no semestre de 2016 um prejuízo de R$ 23 milhões (R$ 179 milhões em 30 de junho de 2015). Os ativos totais atingiram o montante de R$ 6.446 milhões ao final do semestre de 2016 (R$ 6.212 milhões em 31 de dezembro de 2015), enquanto que o patrimônio líquido atingiu R$ 1.541 milhões (R$ 1.411 milhões em 31 de dezembro de 2015). Embora a Seguradora venha apresentando prejuízo nos últimos 6 anos, a Administração não mantém expectativas negativas para a descontinuidade das suas operações, tendo realizado ao longo destes anos aporte de capital e apresentando evolução no resultado no primeiro semestre de 2016.

O volume de prêmios emitidos pela Zurich Seguros no semestre atingiu R$ 1.544 milhões (R$ 1.436 milhões em 30 de junho de 2015) e os prêmios ganhos atingiram R$ 1.206 milhões (R$ 1.105 milhões em 30 de junho de 2015).

O índice de sinistralidade geral ficou em 41,85%. As despesas de comercialização atingiram 29,41% dos prêmios ganhos. Quanto às operações de resseguros, as despesas atingiram R$ 379 milhões (R$ 381 milhões em 30 de junho de 2015) e as receitas atingiram R$ 207 milhões (R$ 329 milhões em 30 de junho de 2015).

As despesas administrativas atingiram R$ 244 milhões no semestre de 2016 (R$ 287 milhões em 30 de junho de 2016), representando 20,21% dos prêmios ganhos.
(Fonte: Demonstrações Financeiras – 30 de junho de 2016)